in

O que são métricas e como utilizá-las?

Medir a qualidade de suas estratégias é fundamental para qualquer empresa que queira se tornar um competidor no mercado. Para isso, é preciso saber analisar as diversas métricas que são geradas a cada ação ou atitude no mercado.

Entretanto, antes de partirmos mais a fundo na questão das métricas, é preciso compreender o que é esse termo e a importância dele para o mercado.

Uma métrica é qualquer medida de qualificação ou quantificação que pode ser usada para avaliar uma medida tomada pela empresa, seja uma estratégia de marketing, um processo operacional ou qualquer outra ação.

Entender as métricas de uma empresa de reforma de loja é importante para saber os próximos passos para o crescimento da mesma.

Essa ferramenta é o que vai medir o sucesso da ação, e o que exatamente deu certo ou errado no trabalho que foi realizado.

As métricas são inúmeras, e representam uma série de métodos que são utilizados para entender o andamento da empresa, seja em uma ação específica ou no conceito mais amplo da empresa.

Elas são dados reais, coletados de experiências anteriores e qualificadas para que você possa acompanhar o andamento da empresa. 

Normalmente, uma métrica é calculada com base em um período específico, onde você é capaz de identificar a movimentação da empresa.

Por isso, é importante entender o quanto seu serviço de motoboy entregador está conseguindo alcançar, e o melhor meio é estudando e analisando o cenário.

Ao ter acesso a esse tipo de dados, você pode identificar quais foram as ações que deram mais certo durante o período e o que precisa de ajustes para um melhor funcionamento. 

Dessa forma, você conseguirá tomar decisões muito mais assertivas junto a equipe de gestão.

Métrica ou Indicador?

Quando se fala sobre métricas, muitas pessoas acabam confundindo os termos com indicadores. Isso porque ambos estão relacionados e lidam com a análise de dados de um determinado local, mas ambos são diferentes.

Um indicador é basicamente uma variável que permite uma melhor medição de desempenho. 

Com o indicador, você pode observar resultados, comparar com análises anteriores para medir o crescimento e evolução da empresa, entre outros elementos.

Um indicador pode ser a quantidade de kit higiene bebê menino que foi vendida em um mês, por exemplo.

O indicador sempre vem junto de um contexto. Enquanto as métricas apresentam números, os indicadores interpretam esses resultados e criam uma análise mais densa. 

Com os indicadores, é possível usar as métricas para indicar:

  • Quantidade de seguidores em uma página;
  • Tempo médio de frequência em um site;
  • Engajamento nas redes sociais;
  • Taxa de rejeição.

Por isso, é importante definir exatamente quais serão as métricas utilizadas em seu empreendimento, para conseguir identificar os indicadores que você usará para avaliar seu desempenho.

Quais métricas são importantes?

Definir quais pontos você precisa analisar de um empreendimento é muito importante para entender seus objetivos profissionais.

Isso porque as métricas devem estar completamente alinhadas com o caminho que você pretende seguir com sua empresa. Assim, quando fizer as avaliações adequadas para avaliar o resultado de suas ações, saberá exatamente como agir dependendo do resultado.

Para compreender como melhorar seu serviço de som e iluminação para festa, você precisa identificar as métricas que mais se adequam para conseguir obter bons resultados.

É preciso saber escolher corretamente, uma vez que algumas não tem um valor real, mesmo que pareçam interessantes. São as chamadas métricas de vaidade. Essas, podem até ficar bonitas no papel, mas não tem nenhum resultado para a empresa.

É o caso de seguidores em redes sociais ou curtidas em fotos. Esse tipo de engajamento é interessante e útil para a empresa, mas os resultados não são relevantes e apenas atrapalham uma análise séria.

Algumas das métricas mais importantes para qualquer empresa devem ser pensadas com muito carinho. Embora você não precise seguir todas estas métricas à risca, são valores importantes para o bom andamento de uma empresa, e podem oferecer bons insights.

Retorno sobre investimentos

O ROI é uma sigla para Return of Investment ou Retorno do Investimento, e é uma métrica que calcula o quanto é devolvido para a empresa depois do investimento utilizado para converter um cliente.

Isso significa que todo o valor convertido dos produtos vendidos é um retorno sobre o investimento de produção, logística e marketing. Esse valor é muito importante para identificar o quanto as ações realizadas estão valendo a pena.

Se você vende nobreak bateria externa, precisa saber se o valor está gerando de fato lucro para você usando esta métrica.

Muitos empresários acabam gastando mais do que o retorno que recebem com as vendas, o que deixa a empresa no negativo.

É preciso saber estruturar cada etapa da jornada de compra do cliente para conseguir otimizar resultados e conseguir os melhores valores possíveis.

Cálculo de ticket médio

O ticket médio é uma métrica simples, trata-se do quanto um cliente consome em média quando entra em sua empresa. O cálculo é feito quando você divide o volume total de pedidos pelo faturamento. Assim, você consegue compreender o perfil de seu consumidor.

Tendo em mãos o ticket médio, você consegue estruturar sua empresa para conquistar resultados melhores, planejando ações de marketing para gerar novas promoções e engajar-se com seu público-alvo.

A ideia, sempre que calcular o ticket médio, é buscar um aumento nele. Isso significa que seus clientes estão consumindo mais e se engajando melhor com sua companhia.

Taxa de conversão

Uma conversão é uma ação que o cliente faz de acordo com sua vontade. A mais comum das conversões é a compra de um produto, mas não é necessariamente a única.

Fazer um cadastro em sua newsletter, engajar-se em uma publicação de rede social ou fazer o download de algum conteúdo podem ser tão importantes quanto o processo de venda para esta métrica.

Um colégio infantil particular pode considerar uma boa conversão a quantidade de visitantes em um dia de conhecer o espaço, por exemplo.

A taxa de conversão é um indicativo de que suas ações estão alcançando seu público, e seus clientes estão consumindo aquilo que você tem a oferecer. 

Por isso, é importante ter um bom controle sobre a situação, avaliando corretamente as atitudes de sua empresa no mercado.

Isso porque a taxa de conversão é uma das principais métricas em termos de resultado. É com ela que você conseguirá planejar os próximos passos para continuar engajando pessoas que já estão criando uma base de relacionamento entre consumidor e marca.

Retenção de Clientes

Esta é uma métrica fundamental para seu pós-venda. Ela lida com o grau de satisfação dos seus clientes depois de ter concluído a venda. Identificar se o consumidor está satisfeito é fundamental para garantir o sucesso profissional de sua empresa.

Hoje em dia, o perfil do cliente está mudado, e muitas companhias têm adotado técnicas de UX (User Experience) para fazer os clientes sentirem-se satisfeitos com a companhia.

Mesmo na área médica, como em um tratamento com enzima, é importante definir uma boa relação com os clientes para que em caso de necessidade, voltem a procurar seus serviços.

Quanto mais clientes retidos você tiver, maiores as chances de conseguir replicar vendas com ele, e engajar em novas negociações tanto com o cliente quanto com suas redes de contatos.

CAC

O CAC é uma métrica que está diretamente ligada ao ROI. A sigla significa Custo de Aquisição de Clientes, e mede o quanto sua empresa teve que gastar para conseguir conquistar um lead e torná-lo um cliente.

A conta aqui é somar todas as despesas e investimentos feitos com marketing e vendas e dividir esse valor pelo número de novos clientes.

É importante que este valor seja muito menor que o ROI. Isso significa que os custos para adquirir os clientes estão baixos e o retorno sobre eles é alto. Qualquer alteração nessa balança deve ser reavaliada e novas estratégias pensadas.

Tempo de vida útil

O Lifetime Value ou valor de tempo de vida, é uma métrica de longo prazo. 

Quanto tempo um cliente fica ativo em sua empresa? Essa pergunta deve ser respondida usando a métrica do LTV, que consegue compreender quanto tempo um cliente demora entre uma compra e outra.

Vale lembrar que esta métrica é muito dependente do tipo de produto que você está vendendo.

Um estabelecimento alimentício, provavelmente, terá um LTV muito superior a uma concessionária de automóveis, uma vez que o tempo de uso de cada produto é completamente diferente.

Uma empresa de estrutura de galpão, provavelmente, terá um tempo de vida útil muito longo, uma vez que a qualidade do produto acaba tornando-o muito duradouro.

Quando você entende corretamente o LTV, consegue definir o potencial de lucro que sua empresa pode alcançar, e tomar as decisões corretas para conseguir o engajamento neste objetivo.

Considerações finais

Compreender as métricas é fundamental para qualquer empresa que deseja permanecer ativa no mercado. 

São estes valores de análise que permitem que você identifique o que está acontecendo de certo e de errado nas suas estratégias.

Por isso, mantenha em mente que quanto mais você analisar, e mais ferramentas tiver à mão, melhores serão as suas tomadas de decisão no futuro, permitindo que você crie um ambiente muito mais seguro e garantido para sua empresa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

GIPHY App Key not set. Please check settings

O que é publicidade mobile?

Por que uma empresa deve estar em diversas redes sociais?