in ,

O que são marcas demagogas?

demagogas

Uma marca demagoga é aquela que manipula seu público-alvo e oferece mentiras no lugar de uma projeção real de seus produtos e serviços. 

Esse tipo de empresa costuma ter um fim rápido, uma vez que não consegue sustentar por muito tempo esse tipo de ação.

Vivemos em um mercado que está em constante evolução. Por conta da transformação digital, os nichos começaram a crescer cada vez mais e acabaram aumentando muito a concorrência entre as empresas.

Para lidar com a competitividade sempre crescente do mercado, as empresas precisam inovar e criar estratégias que as façam se destacar da multidão, tornando-as interesse direto de seu público-alvo.

Uma empresa de limpeza de poco tubular deve trabalhar com honestidade para conseguir engajar-se bem com o público.

Entretanto, algumas empresas preferem tomar o caminho mais rápido do que o de efetivamente criar uma identidade interessante e trabalhar o público. 

Estas são as marcas demagogas. O conceito de demagogia não é uma novidade. 

Com origem na política, trata-se do tipo de pessoa ou empresa que oferece promessas das quais não é capaz de cumprir.

O discurso vende uma realidade de mentira, mas que é interessante para o consumidor.

Normalmente, essas empresas são extremamente nocivas. Isso porque o discurso demagogo não é um discurso fácil de ser identificado. 

Não se trata de mentira pura e simples, mas sim de uma distorção da realidade a favor da empresa.

Verificar se a cancela automatica estacionamento é um produto de qualidade deve ser uma prioridade quando você se interessa por esse tipo de material, escolhendo uma boa companhia para a compra.

Esse tipo de ação é muito importante para criar um conceito mais estruturado do que uma marca demagoga faz. 

O perigo desse tipo de discurso reside no fato de que a proposta parece real, ainda que não seja.

Isso faz com que o consumidor, principalmente, se for leigo ou estiver iniciando a consumir em um tipo específico de mercado, seja facilmente atraído pela proposta tentadora oferecida pela marca demagoga.

O que gera a frustração de não conseguir atingir o resultado. Uma das ações que mais tem tido resultado com relação a esse tipo de empresa é o marketing identitário.

Essa vertente de marketing tem sido constantemente alvo de marcas demagogas, ávidas para conseguir conquistar qualquer trocado em cima das pessoas.

O marketing identitário parte do princípio de que, com a polaridade cada vez mais crescente no campo político e social, as marcas precisam se posicionar.

Se você estiver procurando por um aquecedor a gas rinnai 35 litros, é importante verificar se as ações da empresa realmente condizem com os valores e a visão que ela se propõe.

Isso acaba atraindo pessoas que se identificam com esse tipo específico de posicionamento.

Uma vez que desejam ajudar o comerciante com o qual corroboram com as idéias e atitudes e fazer esse tipo de comércio crescer.

Muitas empresas enxergam nesse tipo de marketing a oportunidade de conquistar um público sem muito esforço.

Eles então fazem algumas ações chamativas, para que as pessoas tenham ciência de que a marca está se “posicionando”, e depois esperam receber os frutos dessas ações, sem que tenham de fato realizado alguma coisa pela causa que dizem lutar.

Embora a curto prazo esse tipo de ação tenha uma funcionalidade razoável, em grande parte pelo desconhecimento das pessoas a respeito da marca, quanto mais consumidores começarem a procurar a empresa, mais difícil será manter o personagem criado para lucrar.

Por isso, confiar em uma empresa de compactador de solo a gasolina deve ser um processo de compreensão, onde você verifica as ações que serão adotadas pela empresa a longo prazo.

Essas empresas surgem em propagandas, sobretudo em campos digitais, onde o custo para realizar as ações são mais baratos, para conseguir o máximo possível de conversões em um primeiro momento, antes de sua reputação começar a cair.

Existe muita demagogia nesse tipo de ação. Empresas com ideologias completamente opostas às que estão tentando lucrar em cima não tem pudor para trabalhar com esse tipo de ação, tentando extrair de forma predatória qualquer tipo de lucro.

O oportunismo também tem uma grande parcela nesse tipo de ação, uma vez que estas empresas se aproveitam do aquecimento de um determinado grupo ou ação para conseguir explorar estes recursos de forma a conquistar mais espaço no mercado.

Porque tomar cuidado com estas marcas?

Mais do que simplesmente mentir para você, a maioria dessas empresas não entrega o resultado que promete. 

Além de potenciais golpes, você pode acabar obtendo um produto ou serviço muito inferior ao contratado.

Isso pode ser bastante frustrante, sobretudo por conta da expectativa que você cria enquanto cliente para conseguir conquistar um produto ou serviço.

Muitas vezes, as marcas demagogas acabam usando seu sentimentalismo para conseguir completar esse tipo de ação.

Se você precisa contratar os serviços de uma empresa de manutencao da suspensao Mercedes, procure realizar essa ação com racionalidade, buscando a melhor opção.

Através de discursos remontando “tempos melhores”, sobretudo em épocas de crise ou de outras turbulências na sociedade.

A marca tenta imputar um sentimento nostálgico que incentiva o consumidor a comprar, ainda que não exista a necessidade ou o interesse no produto.

Esse tipo de ação acaba sendo muito utilizado para conseguir converter clientes em ações que eles não têm interesse em participar, tentando enganá-los com um discurso que tenta apresentar uma importância inexistente para ele.

Como uma marca demagoga age?

Entender o tipo de discurso que essas empresas levantam é um importante passo para que você consiga identificá-las e evitar comprar produtos ou contratar serviços desse tipo de ação.

É importante lembrar que estes discursos podem ser instigantes, principalmente, por apelar para algumas ações que mexem com o público como um todo.

Por isso, é importante verificar muito bem o histórico de uma empresa de manutencao auxiliadora predial antes de contratá-la.

Ainda assim, é importante ter em mente que estes discursos são em sua grande maioria apenas uma estratégia desleal.

Falácia

A falácia é a arte de enganar o público, esse tipo de argumento se mostra como verdade, mas enganam as pessoas e passam uma impressão que não é a original de uma determinada afirmação.

O objetivo da falácia é fazer com que a pessoa seja levada a:

  • Equívocos;
  • Má compreensão;
  • Decisões ruins;
  • Arrependimentos.

É importante entender que este tipo de discurso é bastante malicioso, porque usa uma verdade para criar o engano.

Como um exemplo, pense em uma afirmação como “É preciso adotar as novas medidas da empresa, as pessoas não podem mais viver dessa maneira”.

Embora ambas as afirmações sejam verdadeiras, a forma como elas são colocadas dá a entender que a segunda é uma justificativa da primeira, quando na verdade elas não têm nenhuma relação.

Uma empresa de selo mecanico bipartido deve ser honesta com relação a suas propostas para conseguir melhores resultados.

Bajulação

A bajulação é como muitas empresas conseguem engajar-se com um grande público sem ter algo interessante a oferecer.

Por meio de adulação e prestígio para com um grupo de pessoas, normalmente já estudadas anteriormente para uma maior efetividade, essas ações têm muito sucesso.

Esse tipo de ação faz com que o consumidor se sinta importante, como se a opinião dele fosse de fato ouvida e valesse a pena investir na empresa.

Entretanto, a bajulação é um elogio vazio, sem a intenção de efetivamente conseguir engajar-se com o público.

Não há nada concreto a ser anunciado, e a empresa usa a bajulação como uma tática de distração para evitar o contato com perguntas e questionamentos válidos de seus clientes sobre um determinado produto ou serviço.

Ainda que algumas pessoas não se sintam confortáveis com o excesso de bajulação, ainda são ações que conseguem converter vendas antes de a empresa começar a perder credibilidade.

Discursos fracos e vazios

Normalmente esse tipo de argumentativa é utilizada pela empresa em eventos sazonais, como datas comemorativas de eventos e situações. 

Neste caso, a empresa utiliza uma forma genérica que parece elogiar o grupo em questão, mas não diz nada.

É uma forma de manter-se neutro enquanto a empresa tenta passar uma imagem engajada com um certo grupo de pessoas. 

Por isso, é importante se atentar se o discurso faz algum sentido com a data em questão.

Um chaveiro 24 horas não precisa de discursos rasos para conseguir apresentar seu conteúdo se tiver um trabalho de qualidade.

Quanto mais você conseguir identificar estes recursos, mais preparado para compreender as marcas demagogas e evitá-las você estará.

Considerações finais

Existem diversas maneiras de apelar para os sentimentos do público, e as marcas demagogas utilizam estas ferramentas para tentar enganar e mentir, por meio de promessas falsas e vazias, chegando até mesmo a difamar concorrentes.

Por isso, é importante entender esse tipo de companhia para conseguir ficar longe dessas ações quando você encontrar, e garantindo que as empresas com as quais você negocia possuem uma boa ética e valores adequados.

Assim, você garante maior qualidade em suas ações com a companhia e evita contato com esse tipo de empresa.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

GIPHY App Key not set. Please check settings

    Como é o dia-a-dia e a carreira de um defensor público?

    período de campanha

    Por que definir período de campanha?