in

Moscow Mule: como fazer, qual a caneca ideal e outras curiosidades

O que você vai encontrar :

Bebida se popularizou no país nos últimos anos e ganhou novas versões.

Nos últimos anos, o drink Moscow Mule vem se tornando cada vez mais comum em bares, restaurantes, baladas e festas. Seu nome, que poderia ser traduzido como “mula de Moscou”, seria uma referência ao efeito que o destilado causa entre seus consumidores. O que não é para menos: a mistura de vodca, ginger beer e limão apresenta um teor alcoólico que varia entre 35 e 60%.

Neste artigo, saiba um pouco mais sobre como surgiu o Moscow Mule, como prepará-lo e algumas de suas variações.

História

Antes, um pouco sobre a história por trás do surgimento da bebida. Em 1939, John G. Martin comprou os direitos da vodka Smirnoff para a Heublein, uma distribuidora de bebidas dos EUA. Nessa época, seu amigo Jack Morgan era proprietário de um famoso pub britânico de Hollywood, o Cock’n Bull Saloon. Morgan queria emplacar sua marca de cerveja de gengibre, mas não conseguia obter sucesso nas vendas.

A lenda diz que os dois homens se encontraram em Nova York e tiveram a ideia de misturar a cerveja de Morgan com a vodka de Martin. O acréscimo do limão, possivelmente inspirado pelo Cuba Libre, foi o toque final para consagrar o nascimento do drink.

Outra hipótese foi levantada por Eric Felton em um artigo do Wall Street Journal em 2007, no qual ele aponta que Wes Price, head bartender do Cock’n Bull, inventou a bebida. Ela teria surgido em uma tentativa de se livrar de um grande estoque de cerveja de gengibre que estava para vencer. Após a realização da mistura, o drink foi servido ao ator Broderick Crawford, que apreciou a bebida. Isso bastou para que ela tivesse um estrondoso salto de popularidade.

Receita

O preparo do Moscow Mule leva os seguintes ingredientes: 1 xícara de água, 1 xícara de açúcar, 2 colheres (sopa) de gengibre ralado, 1 dose de vodka, ½ limão, canela em pau e água com gás.

Em uma panela, adicione as xícaras de água e açúcar, a canela, o gengibre ralado e o suco de limão. Misture-os bem e leve-os ao fogo baixo, deixando cozinhar até que a mistura ganhe uma consistência de xarope. Quando chegar nesse ponto, coe e transfira para uma garrafa de vidro com tampa. Coloque na geladeira.

Quando esfriar, sirva 2 doses de 50 ml de xarope de gengibre e acrescente 1 dose de 50 ml de vodca, misturando bem. Acrescente gelo à vontade para tornar o drink ainda mais refrescante. Aí, é só apreciar o resultado.

Caneca perfeita

Um dos diferenciais da bebida é a caneca em que é servida, que faz parte de seu charme. Geralmente ela é de cobre, mas pode ser também prateada ou de metal esmaltado. Um dos motivos por essa preferência é que a caneca de cobre mantém a bebida gelada por mais tempo.

Variações

Ao longo dos anos, a bebida ganhou uma série de variações em todo o globo, atendendo aos gostos de diferentes culturas e consumidores. Uma delas é a Bohemian Mule, que mistura suco de limão, ginger beer e absinto.

O Dead Man’s Mule é outra opção que segue uma linha bem semelhante. Além do absinto, sua receita contém schnapps de canela, orgeat, ginger beer e suco de limão. Já a Gin Gin Mule é para quem gosta de gin. A tradicional bebida britânica é misturada com gengibre fresco, limão, xarope simples e ginger beer.
Para quem aprecia frutas vermelhas, o Raspberry Mule é a indicação certa. O drink é uma mistura de vodka, suco de limão, framboesa, xarope simples e ginger beer. Por fim, o French Mule é uma deliciosa mistura de conhaque, xarope de açúcar, suco de limão, ginger beer e Angostura bitters.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

GIPHY App Key not set. Please check settings

Veja como usar blusas e vestidos com gola alta, a aposta da estação

Você conhece o icônico pijama americano?