in ,

Planejamento 2021: 4 dicas de marketing para o agronegócio

O agronegócio é detentor de uma grande parcela do mercado brasileiro. Além disso, a tendência é que esse crescimento se amplie ainda mais, uma vez que a demanda sempre vai existir e está em constante desenvolvimento, acompanhando o avanço da população.

No Brasil, o agronegócio é responsável por tornar o país um dos maiores produtores do mundo, se não o maior. Isso se deve em grande parte pela abundância de recursos naturais, como o clima e terrenos, que permitem o cultivo dos mais diversos alimentos.

Nosso país ainda conta com uma considerável quantidade de água e áreas agricultáveis ainda não utilizadas, o que faz com que nosso mercado possa se expandir ainda mais.

Investimentos em tecnologia têm sido cada vez mais aplicados ao agronegócio, permitindo que as empresas sejam impulsionadas a produzir de forma muito mais eficiente e consciente.

Isso faz com que o mercado se alavancasse ainda mais, com previsão de crescimento no ano que virá.

Pensando nisso, é preciso identificar que tipo de diferencial sua empresa pode apresentar para se destacar da concorrência ao longo de 2021, e nada melhor do que adotar novas estratégias para alavancar seus negócios.

As estratégias de marketing digital vem sendo utilizadas por empresas dos mais diversos segmentos. É através dessas estratégias que os produtos e serviços são levados ao mercado, gerando nos clientes o desejo de consumo.

No caso específico do agronegócio, algumas das grandes empresas já têm adotado essas técnicas como parte do plano negocial, entendendo a importância do marketing como um diferencial competitivo para gerar novos negócios.

Essas estratégias podem ser utilizadas por empresários de qualquer porte, apresentando benefícios sólidos e vantagens reais na questão de realização de negócios.

Portanto, acompanhe a leitura desse artigo para conhecer algumas dicas de como o marketing digital pode se tornar um grande aliado para o agronegócio.

O marketing digital no agronegócio hoje

Algumas estratégias comuns podem acabar sendo grandes colaboradoras nas negociações. Nesse período de transformações, o ideal é manter-se sempre alguns passos à frente para se destacar em meio a concorrência.

O agronegócio, anteriormente, tinha algumas barreiras na relação entre o produtor e o consumidor, mas isso tem sofrido uma queda.

Muitas empresas optam por criar conteúdos e publicidade, como uma forma de se aproximar de seus consumidores, gerando um reconhecimento entre a marca e o cliente. Ações que podem ser simples de início, geram um impacto muito grande no mercado.

Ao associar sua marca com campanhas publicitárias, ao encontrar seu produto com alguma identificação como etiquetas auto adesivas personalizadas, o cliente irá imediatamente se lembrar da sua empresa e, deste momento em diante, buscará pela sua marca.

O distanciamento entre o produtor e o consumidor final do agronegócio acabou gerando um afastamento dos clientes, principalmente em regiões metropolitanas, onde é mais fácil encontrar pontos negativos do que as benesses que esse mercado fundamental produz.

Por isso, faz-se necessário estreitar o relacionamento com o cliente, mostrando a ele não apenas o produto final, mas os benefícios que consumir este produto pode gerar a ele.

Pessoas que gostam de cultivar flores em casa sempre precisarão de vasos, ferramentas e fertilizantes, mas ao mostrar os benefícios que um fertilizante foliar para flores tem para o cultivo, você mostra que essa é a opção mais adequada para a satisfação do cliente.

Essa informação transmitida ao consumidor pode se dar através de um artigo em seu site ou blog, por meio de um e-book, webinar, entre outros.

Aumentar as vendas é fundamental para qualquer tipo de empreendimento. Porém, para que isso possa ocorrer, é necessário que a empresa seja lembrada, que seus consumidores ativamente procurem a marca quando precisarem do produto oferecido.

Algumas estratégias podem parecer simples, mas acabam tendo resultados impressionantes, por exemplo, ao criar um talão de rifa personalizado.

Você não está diretamente vendendo seu produto, mas criando uma aproximação entre os clientes e sua empresa, fazendo com que eles reconheçam seu logotipo e pensem em sua marca quando estiverem de fato buscando pelo seu produto.

Hoje em dia, muitas marcas são lembradas não só por seus produtos e serviços, mas por seus posicionamentos.

Essas marcas acabam por tornar-se referência de qualidade em seus setores. Nesse momento, é importante pensar em construir a identidade de sua marca, posicionando-a corretamente no mercado e aumentando, assim, a capacidade de atrair clientes.

Que estratégias de marketing utilizar?

As opções de marketing para iniciar sua jornada podem ser muitas, e é preciso traçar um plano antes de iniciar a operação, para que não resulte sem o resultado desejado.

Dentre as diversas opções de mercado, algumas podem ser relativamente simples, e podem acrescentar muito na divulgação de sua empresa.

Um simples moleskine branco com o logotipo de sua empresa, distribuído para influenciadores do segmento em que você atua, pode ser um diferencial para começar a aparecer no mercado.

Conheça, a seguir, algumas das principais estratégias de marketing para alavancar seu agronegócio no próximo ano.

1 – Marketing digital

O marketing digital é uma das maiores ferramentas da atualidade. A internet está ligada a vida das pessoas de forma intrínseca, e é a primeira fonte de pesquisa de qualquer pessoa que deseja algo.

Desde um simples endereço, até pesquisas de notícias, a web é uma das soluções mais prósperas que encontramos. Pensando nisso, é essencial que seu agronegócio esteja preparado para estar nesse mundo virtual.

Você pode incluir em sua estratégia ações como:

  • Criação de conteúdo para blog;
  • Envio de e-mail marketing;
  • Engajamento nas redes sociais;
  • Investimento em SEO e links patrocinados;
  • Entre outros.

Todas essas e muitas outras áreas de atuação são necessárias para empresários de todos os tamanhos e ramos de atuação.

Mesmo que você seja um empreendedor pequeno, hoje em dia as redes sociais, por exemplo são tão importantes quanto uma impressão digital a3 com sua logomarca exposta em sua porta. O marketing digital é a resposta para o futuro dos negócios.

2 – Marketing de conteúdo

Nem sempre oferecer diretamente seu produto é o caminho mais adequado para a venda. Muitas vezes, é preciso identificar os motivos que tornam seu produto desejável para o consumidor, e fazê-lo entender a importância disso é obra do marketing de conteúdo.

É com ele que você poderá mostrar a eficiência e os motivos de alguém consumir seu produto, sem necessariamente vendê-lo diretamente.

O marketing de conteúdo se vale de blogs, vídeos e outras ferramentas para levar aos clientes conteúdos interessantes e informativos, que da mesma forma levarão seu produto até essas os possíveis clientes.

É muito mais interessante do ponto de vista mercadológico que sua empresa leve as pessoas até um conteúdo que mostre a importância de uma balança comercial com etiqueta, para instigar os clientes a efetuarem a compra, do que simplesmente anunciar.

3 – Inbound Marketing

O Inbound Marketing trata-se de uma série de estratégias de marketing que tem como objetivo final a atração de clientes, utilizando conteúdo relevante a seu negócio.

A ideia é criar uma espécie de jornada do cliente, apresentando conteúdos em diversas fontes que levem o consumidor em etapas até seu produto.

Quando você entende os desafios e interesses de seu público, você pode direcionar conteúdos para o seu produto, fazendo com que eles aos poucos percebam a oportunidade que é comprar de com a sua empresa.

Usando como exemplo uma empresa de extintor novos, é essencial criar uma série de conteúdos relacionados a extintores e a importância do produto para a segurança daqueles que o utilizarão.

Dessa forma, você conseguirá encaminhar o consumidor até o ponto onde deseja apresentar seu produto.

4 – Outbound Marketing

Esta é a estratégia mais tradicional de marketing. Apesar de funcional, pode acabar levando os consumidores a despertar o interesse pelo produto que seu agronegócio oferece, mas não necessariamente ao produto em si.

É realizado de modo offline, ou seja, através de comerciais em TV, rádios, jornais, entre outras mídias físicas. Ele também pode ser usado no meio digital, através de propagandas pagas nas redes sociais e instituições especializadas.

Entretanto, o investimento nesse tipo de estratégia é muito maior, e se precisar cortá-lo, tem grandes chances de cair no esquecimento, algo que as outras opções conseguem controlar de forma muito mais adequada.

Quando você tenta vender um balcão comercial em mdf, um anúncio direcionado pode ser mais funcional do que a divulgação em canais tradicionais, onde seu cliente de fato se interesse pelo produto, mas acaba não procurando sua empresa para concretizar a compra.

Conclusão

Algumas das estratégias de marketing podem acabar se misturando, por isso, é importante que você siga buscando a melhor opção para seu negócio.

A renovação no mercado do agronegócio é essencial para que o mercado siga mantendo seu lucro e que 2021 seja um ano mais favorável do ponto de vista econômico.

Não basta colocar os produtos em prateleiras e esperar que eles se vendem, hoje em dia, a necessidade é de criar uma marca com a qual os clientes possam se identificar e se relacionar, utilizando-se de estratégias de marketing digital mais assertivas.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

GIPHY App Key not set. Please check settings

    9 Things That Are Deeply Disappointing Every Single Time

    MArketing Digital para Médicos

    Evolução Agrícola: 6 dicas de marketing digital