in

Conversão de clientes: como fazer isso ?

conversão de clientes

A conversão de clientes está relacionada às ações feitas por estes a partir de alguma iniciativa de uma empresa, que propõe estratégias e caminhos para que o consumidor, em meio a utilização, por exemplo, de uma página online, siga um caminho específico.

Diferente do que muitos podem imaginar, nem sempre as conversões estão relacionadas à vendas. Pelo contrário, uma conversão pode ser um download de e-book em um site.

Tudo vai variar a partir daquilo que é importante para um negócio de vinho doce suave, se relacionando diretamente com o que o que ela necessita.

Isto, seja em relação aos seus resultados financeiros, ou até mesmo a um reconhecimento maior em meio à internet.

Dito isso, é muito mais fácil propor algumas estratégias, agregando, ainda, os benefícios que esse trabalho consegue trazer para uma empresa de caderno personalizado com foto, principalmente, por meio de formatos de comunicação digitais.

Abaixo vamos entender um pouco mais sobre o que são as conversões, formas de realizar essa estratégias e também seus benefícios, que entregam sua alta popularidade.

O que é uma conversão?

A conversão dentro de um viés de marketing pode ser entendida como uma ação do cliente que foi feita dentro de uma página na web.

De modo a trazer aquilo que era desejado pela empresa, independente do que realmente tenha sido. 

Estas podem ter motivos de:

  • Vendas;
  • Maior engajamento nas redes;
  • Download e um material;
  • Inscrição em um evento;
  • Contato para atendimento.

A base da realização dessas estratégias de conversão são fases dentro de uma jornada de compras, guiada por um funil de vendas, onde geralmente três fases de interesse do cliente passam a integrar as estratégias de uma empresa de uniformes personalizados.

Em meio a isso, é preciso que a conversão faça surgir uma ação do cliente, de modo a acompanhar cada fase de interesse e proximidade de uma nova aquisição.

No entanto, para além dessas questões, a conversão pode simbolizar um tipo de conquista do negócio em relação às atitudes tomadas com seus consumidores. 

Afinal, um download de um livro online só será feito se o conteúdo for interessante e necessário para o usuário.

Em meio a isso podemos contar, ainda, com o cálculo e verificação da taxas de conversão, que mostram em números se as estratégias das empresas têm surtido efeito.

Por exemplo, uma taxa baixa de conversão dentro do site de vendas de uma loja de mochila feminina personalizada pode simbolizar que alguma estratégia não está dando certo, e logo, precisa ser modificada pelas equipes responsáveis por ela.

Em outro caso, o engajamento dentro de um blog, por meio de comentários, pode estar baixo. 

Isso leva as equipes de conteúdo a repensarem as formas de comunicação com o cliente, pensando de que maneira o artigo pode ser interessante para convocar uma fala.

Dessa forma, além de simbolizar a concretização de algo esperado pelo negócio, a conversão, por meio de sua taxa, entrega possíveis melhorias nos caminhos de ações.

De que forma realizar essa ação?

A conversão, como dito acima, é a concretização de algo que já era esperado por uma empresa de arquitetura corporativa, colocando então o possível cliente ou até mesmo um próprio consumidor como figura ativa em meio a essa situação.

Assim, podemos iniciar um entendimento de práticas de conversão focando especialmente no consumidor, tendo em vista que ele é o principal alvo da conversão.

Podemos dizer, dentro de um exemplo, que para uma empresa de transportes a conversão acontece no momento em que o lead entra em contato com equipes de atendimento para saber mais informações sobre um potencial negócio.

No entanto, para que ele se sinta interessado em ir atrás de mais informações e de fato ter um tipo de contato com a empresa, ele precisa estar ciente que está pode ser eficiente.

Para tal, é necessário que as equipes de comunicação e também de vendas possam trabalhar dentro de uma página online trazendo informações valiosas.

Além de um quesito comunicacional textual e visual que chame atenção e convoque o lead para a ação.

Outro ponto interessante em meio a realização de uma ação de conversão é a união entre objetivo da estratégia e as ações determinadas dentro de um site.

A conversão pode ser concretizada de diversas maneiras, mas isso porque podem ser diversos os desejos de um negócio de catraca de acesso para academia para com o seu cliente em meio a uma plataforma online, o que muda cada uma das estratégias.

Para o caso do preenchimento de um formulário, considerado uma das principais conversões, as ações serão elaboradas em cima do que a empresa necessita.

Sem esse foco e a junção com o trabalho das equipes responsáveis no desenvolvimento da página, fica muito mais difícil concretizar de fato essa questão com a máxima facilidade.

De modo geral, a conversão nada mais é do que um convencimento, que é feito por meio de indutores, também conhecidos como gatilhos mentais. 

Esses gatilhos são ativados sempre que um ponto dentro da estratégia faz com que o cliente haja da forma desejada.

Por exemplo, a compra de um notebook novo pode ser despertada a partir de gatilhos que envolvem escassez, exclusividade e garantia de segurança total ao cliente.

São pontos que aparecem na mente dos consumidores indicando a eles que uma compra a ser feita é a melhor opção possível. 

Logo, entender bem o perfil e o segmento é mais do que essencial para desenvolver as frases e palavras certas dentro da comunicação.

Um outro ponto, que muitas vezes acaba sendo esquecido dentro das empresas e principalmente em setores de marketing e comunicação é a utilização de sistemas de automação, que podem facilitar a conexão com melhores resultados.

Por meio de alguns programas específicos é possível acompanhar o andamento das conversões, facilitando ainda mais o atendimento ao cliente do negócio.

Assim, com essa rapidez em entender os resultados e prover um acompanhamento para cada etapa, fica mais fácil saber os pontos que podem melhorar, como estratégias de vendas, e quais aqueles que estão dando certo e podem ser potencializados.

Quais são seus benefícios?

Além da conversão entregar à empresa a ação esperada pelo seu cliente, que pode ser importante para o andamento das atividades, como as vendas e até mesmo a procura por atendimento feito por profissionais da companhia, é possível alcançar muitos benefícios.

O primeiro deles podemos dizer que diz respeito à própria produtividade da equipe em relação às ações feitas diante dos colaboradores e de suas atuações.

Afinal, é possível entender de que modo uma página ou até mesmo a venda por meio de um contato posterior pode ser melhorada, caso não esteja surtindo efeito suficiente e desejado. Em meio a isso, são reformuladas formas de comunicação.

Sem esse acompanhamento certo do que está gerando resultados ficaria muito mais difícil entregar uma melhoria consistente para o que a empresa necessita.

Outro ponto é o encontro de erros, comuns dentro de um processo comunicativo com o cliente, e que pode estar empatando a empresa dentro de várias ações.

Um bom exemplo disso é uma taxa exorbitante de churn, também conhecido como rejeição, uma saída da página repentinamente, entregando a insatisfação com o conteúdo.

Por meio desse diagnóstico fica mais fácil prover uma melhoria nas páginas, moldando todo o conteúdo ali para entregar ao cliente o que é esperado.

O crescimento da empresa também pode ser determinado pelas taxas de conversão. 

Isso porque, quanto maior elas forem, dentro de cada sentido e necessidade de um negócio, elas simbolizam uma qualidade de estratégias e de geração de oportunidades.

Isso acaba tendo um significado importante para o próprio futuro da companhia, por exemplo, em relação aos investimentos dentro de determinados setores, ou a projeção de vendas em meio a uma estação do ano com número de vendas elevados.

De modo geral, ter acesso aos dados de conversão e prover a melhor estratégia possível requer o máximo de cuidado, para que de fato os resultados mostrem o que a empresa deve fazer para melhorar com o seu consumidor.

Considerações finais 

Portanto, a conversão de clientes é considerada a forma mais concreta de entender uma atitude diante de uma indução planejada pelas equipes. 

Geralmente, isto é resultado de uma ação específica, que é guiada pela empresa de modo a trazer melhores resultados.

Para colocar em prática e obter todos os benefícios que ela agrega, é necessário conhecer bem o cliente e o segmento de atuação, mas sobretudo, saber se comunicar bem.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

GIPHY App Key not set. Please check settings

endomarketing

Campanhas de endomarketing: Por que desenvolver?

Significado da tatuagem de Lobo