in

Como adicionar puffs e poltronas à sala de estar?

Veja algumas dicas para deixar sua sala mais confortável.

A sala de estar deve ser aquele ambiente aconchegante da casa, onde você possa relaxar assistindo aos seus filmes e seriados favoritos, receber a turma para assistir futebol ou, ainda, curtir um momento a dois ou com a família.

Além do sofá, do rack e da TV, dois outros itens aparecem como opções bem interessantes para serem acrescentadas à sala de estar: as poltronas e os puffs. Esses dois elementos trazem um novo astral ao ambiente e, por isso mesmo, fazem toda a diferença. Para tanto, é preciso que haja uma certa proporcionalidade com o espaço, já que ambientes grandes pedem itens maiores, enquanto espaços reduzidos exigem também móveis menores.

Confira o espaço disponível

Uma das primeiras questões que deve ser levantada quando se pretende decorar um ambiente, é ter uma noção prática do espaço disponível naquele lugar. Isso significa medir o comprimento, altura e largura para que não haja o risco e a inconveniência de se comprar ou trazer um móvel que não caiba no espaço.

Dito isso, vamos pensar que você já tem uma sala de estar com os objetos básicos (sofá, rack e TV) e pretende acrescentar poltronas e puffs. Esses móveis podem ser muito úteis em salas de qualquer tamanho, mas, mais uma vez, para tanto é preciso dimensionar o espaço.

Por exemplo: quem tem uma sala de tamanho médio a grande pode investir em móveis maiores e até mesmo em mais itens, pois o espaço permite a colocação de tais objetos sem atrapalhar a circulação do ambiente, ao contrário de uma sala pequena.

Neste caso, é preciso considerar as necessidades e o tamanho disponível para pôr alguma dessas peças. O mais indicado é que exista cerca de 70 cm de distância entre os móveis para permitir a circulação de pessoas de forma tranquila. Resumindo, em salas maiores é possível usar puffs e poltronas em maior quantidade. Esse fator deve ser sempre considerado para não deixar que o espaço fique sobrecarregado demais e, consequentemente, perca a leveza.

Como usar: poltronas

As poltronas fazem parte do imaginário de muita gente quando se pensa em uma sala de estar. Esse costume vem de muitos anos, sendo que esse tipo de móvel acaba conferindo uma certa autoridade a quem nele se senta, principalmente quando se trata de um móvel mais opulento como a “cadeira do papai”.

Hoje em dia, porém, as poltronas aparecem em diversos modelos, desde os mais clássicos e robustos, como as poltronas fixas, aos mais descolados e modernos, como os modelos egg e giratórios. O ideal é procurar por aqueles que mais combinem com o seu estilo e com a proposta de decoração da sua sala de estar.

Como usar: puffs

Os puffs, por sua vez, já trazem um ar um pouco mais descontraído ao ambiente, característica que lhe é inerente. E o melhor de tudo é que esse tipo de peça pode assumir diferentes funções em um mesmo lugar.

Em uma sala menor, por exemplo, o puff provavelmente vai servir de assento complementar quando não tiver espaço no sofá ou na poltrona, ou ainda virar uma espécie de mesinha de centro para apoiar um prato com petiscos. Em salas maiores, por sua vez, ele pode ser usado como apoio para os pés. Tudo depende da necessidade do ambiente. 

Outra dica, tanto para os puffs como para as poltronas, é usar cores que combinem com o sofá (caso você queira um ambiente mais neutro) ou, ao contrário, que sejam diferentes, dando um destaque inusitado e bem divertido ao ambiente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saiba o que é a endocardite bacteriana, seus sintomas e causas

Coturno em looks românticos: veja como combinar