in

4 dicas para elaborar um anúncio chamativo

anúncio

Os anúncios chamativos, na concepção de uma comunicação entre empresa e cliente, podem ser essenciais para o trabalho de ações diversas, desde aquelas que envolvem um desejo de compra, até outros objetivos que o negócio deseja atingir.

De um modo geral, esses anúncios são conhecidos por serem aquilo de mais diferente nos de canais de comunicação, que prontamente chamam a atenção e prendem a audiência.

É bem possível lembrarmos de alguns comerciais e banners de publicidade de empresas de caixa de papelão tipo maleta ou outros ramos, que se eternizaram a partir de escolhas inteligentes e inovadoras em seus anúncios, que sempre tentam chamar a atenção.

Ainda que possa parecer fácil, todo o trabalho por trás da concepção de um anúncio chamativo é considerado árduo, além de totalmente focado nas principais maneiras e elementos dentro de um anúncio considerado diferenciado, que vai funcionar com o público.

Neste artigo, você irá entender um pouco mais sobre o que são esses anúncios, sabendo as melhores maneiras de projetar um e quais elementos serão essenciais. Acompanhe!

A importância da criação de anúncios chamativos

Antes de entrarmos com maior profundidade no conhecimento das formas de produção de um anúncio, é importante sabermos mais sobre o que eles são e de que maneira eles se destacam dos produzidos por concorrentes, que não chegam a chamar a atenção devida.

Os anúncios podem ser considerados publicidades feitas por empresas ou lojas de porta batom em acrilico tentando alcançar o seu público para induzir algum tipo de ação.

Por exemplo, em um anúncio de uma loja de roupas, existe um forte pretexto para provar a qualidade das peças, ao mesmo tempo em que coloca ao leitor e também consumidor que ele deve aproveitar as oportunidades para ter vestimentas que valem a pena e agregam.

É bem possível que os anúncios também sirvam para dar uma força a mais para a aparição de empresas no mercado, mostrando que elas existem ou que devem ser relembradas pelo seu público.

Um caso bem comum é de uma companhia de decoração, que passa a utilizar mídias digitais para divulgar a loja e uma nova coleção, que pode, inclusive, ser comprada pelo e-commerce da marca, algo que é igualmente divulgado na referida publicidade.

Ou seja, para cada desejo da empresa o anúncio serve para ajudá-la com os receptores das mensagens. Mas, nesse contexto, o que são os anúncios considerados chamativos?

É bem provável que você já tenha visto algum tipo de publicidade de marca de adesivo vinil preto ou outro ramo de atuação que se destacou de forma significativa após sua veiculação, em especial nos lugares de maior audiência, como a internet e a televisão.

Geralmente, são anúncios que trazem algo a mais, ainda que foquem em uma mensagem a ser passada. Esse item adicional pode vir carregado de gatilhos que despertam emoções, ações, pensamentos e até mesmo impactos, quase sempre positivos.

Um bom exemplo disso são marcas que fazem os tradicionais anúncios de natal. As maiores empresas costumam disputar, umas com as outras, quem mais consegue se destacar.

Se notarmos bem, são sempre apelações para o lado emocional, como sentimentos que evocam saudade, emoção diante de uma situação de terceiros, amor, amizade e, no geral, acabam provocando em nossa mente uma lembrança ativa da marca.

Nesse caso, é possível afirmar que os anúncios chamativos nada mais são do que formas impactantes de chamar a atenção do público, indo além de uma simples comunicação.

Como começar a criar um anúncio?

Agora que ficou mais claro o conceito de anúncio chamativo, que pode ser feito por uma empresa de convites personalizados, é o momento de entendermos de que maneira é possível começar a montá-los, de forma a prezar sempre pelo impacto.

Antes de conhecermos melhor os elementos e pontos que evocam de fato as emoções nos clientes e na audiência em geral, é preciso pontuar tudo o que deve ser prioridade na viabilização de uma publicidade, começando pelos itens iniciais.

Veja mais a seguir:

1. Entender os objetivos da empresa

Antes de mais nada, é essencial conhecer melhor os objetivos da empresa com uma ação de anúncio que será construída. Isso porque, a partir do entendimento do foco do negócio, fica muito mais simples criar e direcionar as ideias da publicidade em faixas banners.

Por exemplo, se a marca tem como prioridade aumentar o desejo dos clientes a despeito de uma nova coleção, o anúncio terá um viés diferente em relação a uma ideia de anúncios voltados à indução de maiores compras em um mês daquela campanha.

Essa delimitação ajuda não apenas a priorizar o que deve ou não ser colocado no anúncio, mas ajuda a formatar a comunicação mais assertiva possível para a ação desejada.

2. Conhecer melhor o público-alvo

O público-alvo de uma empresa de adesivos para sala também tem plena participação no momento da concepção de um anúncio, ainda mais aquele chamativo, onde a participação de pontos impactantes e projeção de ações firmes precisa ser a real preocupação.

O cliente é quem de fato direciona todas as estratégias da companhia, visto que é para ele que o negócio produz, vende e oferta algo em um sentido comercial nos anúncios.

Por isso, saber mais sobre ele vai ajudar a escolher os formatos de linguagem certos, as palavras ou expressões que podem ou não ser facilmente reconhecidas e também a procura pelos melhores canais de distribuição do anúncio, que vão fazer toda a diferença.

3. Saber em qual canal será divulgado o anúncio

Seguindo o que foi dito acima, a escolha pelo melhor canal para comunicação acontece em comunhão à escolha real das características que tornam o cliente muito mais humanizado para a marca. Isso porque é nesse espaço que de fato seus consumidores estão.

Por exemplo, podemos utilizar tanto os veículos tradicionais quanto aqueles digitais para comunicar uma ação da empresa para a audiência. Em meio à era digital, podemos escolher como opções viáveis:

  • Redes sociais;
  • Sites e landing pages;
  • Aplicativos;
  • Vídeos no YouTube.

O ideal é saber onde de fato estão esses clientes e quais os melhores caminhos para levar uma comunicação vantajosa em um anúncio interessante.

4. Quando possível, trabalhe a comunicação visual

Nem sempre vai ser o caso de uma comunicação visual ser necessária, afinal, existem muitos casos onde o anúncio em si é feito por meio de rádios, sejam as tradicionais ou as online. Ainda assim, é bem comum que esse seja um item de importância.

O visual é tão importante quanto a mensagem, seja ela escrita ou falada. Por isso, nada melhor do que entender quais os principais pontos que podem servir como atração do público da empresa para trabalhar em cima dessa proposta com maior ênfase.

É o caso de um comercial no YouTube, que utiliza as cores de uma empresa de adesivo para van dentro de cenários e roupas utilizadas pelos atores do anúncio comercial.

Quais os principais elementos em um bom anúncio?

Agora que você já compreendeu melhor a base para a composição de um anúncio, chegou a hora de entendermos sobre os elementos que tornam essa publicidade chamativa. Alguns passos para isso são:

Gatilhos mentais

Os gatilhos mentais podem ser evocados por palavras, imagens ou falas que consideram o impacto imediato a partir de pontos de lembranças ou significados. 

Um bom exemplo é quando falamos em reações mentais, provocando gatilhos de cuidado em quem as tem.

Pontos de conexão com o público

É mais do que essencial ter pontos de conexão com o público. Para tal, é preciso entendê-lo e, a partir disso, trazer para o anúncio o que possa chamar sua atenção e prender seu interesse, como gírias de jovens na internet, que são reconhecidas por eles.

Comunicações inovadoras

Tenha sempre o cuidado de sugerir algo que é de fato inovador dentro da concepção de anúncio para uma empresa de flyer de festa. Isso porque no mundo da publicidade existem muitas ideias, quase todas já utilizadas.

É essencial que você e sua equipe pensem naquilo que vai ser além do imaginável, diferente, inovador e impactante dentro da sua comunicação.

Considerações finais 

Os anúncios chamativos exercem uma função interessante nas ações de consumidores diante de empresas, não apenas focando em conduzi-los a uma compra, mas também impactando-os a ponto de se lembrarem sempre de um negócio.

Essa é de longe uma das melhores ferramentas para as companhias, de modo a formar uma importância máxima para algo considerado urgente e prioritário, sem deixar que o anúncio se torne descartável, dessa forma, deixando a marca da empresa no mercado.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

GIPHY App Key not set. Please check settings

6 dicas para desenvolver indicadores de vendas

engajamento

4 dicas para melhorar o engajamento de uma marca