in

4 cuidados para conservar seu guarda-roupas

Confira dicas simples para deixar seu quarto mais organizado e manter seu guarda-roupas em boas condições

O quarto é um cômodo que permite o descanso e a privacidade e é fundamental para a sensação de bem-estar em uma casa. Além da cama, outro móvel indispensável para compor o ambiente é o guarda-roupas.

Fundamental para a organização, o móvel pode ocupar boa parte do quarto e permite que o ambiente não fique bagunçado com roupas espalhadas. No entanto, para aumentar seu tempo de vida, é importante manter alguns cuidados.

A partir de pequenas práticas semanais, é possível economizar dinheiro que seria necessário para trocar um guarda-roupa de casal ou de solteiro. Confira as principais dicas de conservação para o móvel.

Roupas limpas

Essa é a primeira dica imprescindível para quem deseja conservar o seu armário por mais tempo: guardar apenas roupas limpas. Além de evitar o mau cheiro e ajudar a conservar as peças, a acomodação de roupas limpas é importante para impedir a presença de pragas, como traças e baratas, devido à sujeira.

Isso também evita que você corra o risco de sair com uma roupa em más condições ao acordar atrasado para o trabalho ou precisar escolher um look em poucos minutos. No caso das peças de couro, que não exigem a lavagem tradicional, é importante limpá-las com um pano umedecido apenas com água e deixá-las arejar no varal antes de guardá-las novamente.

Veja também: Ajuste de roupas

Cuidado com o sol

Atente-se ao lugar onde o guarda-roupas será colocado, pois a incidência excessiva de luz solar pode prejudicar sua conservação. A dica é especialmente importante para os móveis feitos de madeira.

A luz solar deixa a madeira frágil e desbotada com o passar do tempo, mesmo que seja envernizada e tratada. Se não for possível manter o guarda-roupa fora do alcance do sol, uma dica simples é passar óleo de peroba ou cera quinzenalmente para ajudar a evitar o desgaste.

Limpeza regular 

Outro cuidado importante é limpar o seu armário com regularidade, para evitar o surgimento de mofos e de mau cheiro. É recomendado utilizar um pano limpo e o tipo ideal é a flanela. Caso não possua uma em casa, é possível utilizar um pano de prato ou mesmo uma camisa velha de algodão.

Evite panos com fios ou tiras soltas, que podem se prender em farpas soltas ou lascas se o guarda-roupa for feito de madeira. Após escolher o pano, verifique as instruções do fabricante do móvel sobre quais produtos podem ser aplicados naquele tipo de material.

Circulação de ar

Outra dica simples e eficaz para aumentar a conservação do seu guarda-roupas é deixar um pouco de ar circular dentro dele semanalmente. Essa é a melhor maneira de evitar o mofo no móvel.

Além disso, lembre-se de deixar as janelas e portas do quarto abertas pelo menos uma vez por semana, para permitir uma boa circulação de vento e reduzir a umidade no local. 

É fundamental não guardar roupas úmidas, suadas ou quentes (que foram passadas logo antes) no móvel, pois a umidade e o vapor também contribuem para o surgimento de mofo em seu interior.

Pelo mesmo motivo, também é importante evitar guardar calçados úmidos. Assim que chegar em casa, limpe-os com um pano úmido e deixe-os secar na área de serviço antes de guardá-los no guarda-roupas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Renda bicolor: aposta de estilo para suas lingeries

Estratégia de marketing para escritórios crescentes de coworking