in

3 vantagens de utilizar landing pages

landing

A landing page é uma página que tem como principal foco converter visitantes em leads. Portanto, podemos chamá-la de página de conversão, uma vez que ela conta com menos elementos do que uma página tradicional.

O único foco é a oferta, ou seja, um material visitante recebe em troca de algumas informações. Essa ação se encaixa dentro do Inbound Marketing, já que o seu principal objetivo é atrair as pessoas certas, utilizando para isso canais digitais como blogs e sites.

São práticas que fazem com que as pessoas queiram consumir os conteúdos e, com isso, elas atravessam as etapas do funil de vendas. Naturalmente, fica muito mais fácil expandir a cartela de clientes.

No entanto, para conseguir fazer tudo isso, é necessário converter esses visitantes, e a melhor prática nesse sentido é o uso de landing page. Mas se você ainda não sabe trabalhar com essa estratégia, não tem problema.

Nosso objetivo, neste artigo, é esclarecer os principais pontos do assunto para que o seu negócio possa aplicar essa ação da melhor maneira.

Pensando nisso, vamos esclarecer o conceito de landing page, por que usar esse recurso e de que maneira elaborar essa prática. Confira!

Entenda o conceito de landing page

Chamamos de landing page ou de páginas de destino uma página destinada apenas à conversão dos visitantes em leads. Elas possuem poucos elementos, e seu principal foco está no CTA (Call to Action (Chamada para Ação).

Dessa forma, um fabricante de pias de inox consegue evitar distrações e garantir uma boa conversão. No caso de uma empresa que receba muitas visitas todos os meses, é fundamental que ela consiga levar essas pessoas para um próximo estágio.

A intenção é fazer com que elas passem pelo funil de vendas e cheguem a finalizar uma compra. Todo empreendedor sabe que ter um alto volume de tráfego é importante, mas essa quantidade precisa trazer impactos positivos para o negócio.

É exatamente por essa razão que as landing pages são criadas, isto é, elas abrem mão de certos elementos que possam distrair a atenção dos usuários e fazer com que eles executem uma ação. Inclusive, entre os itens presentes nesse tipo de página estão:

  • Textos;
  • Ofertas;
  • Botão de chamada;
  • Formulário de contato.

Um dos principais objetivos é fazer com que o visitante preencha um formulário em troca de algum conteúdo valioso, como e-books, infográficos, textos ou planilhas. 

No entanto, para conseguir essa troca, você precisa oferecer um material realmente rico e que vale a pena.

Algumas empresas também utilizam esse recurso para fazer uma oferta especial, concluir uma compra ou qualquer outra ação que seja importante e compatível com a estratégia.

Por que criar uma página de destino?

Até aqui, você já entendeu que essa página é um excelente recurso para gerar leads, entretanto, existem muitas outras vantagens que ela traz para os negócios, cujas principais são:

1. Ajuda a segmentar os contatos

Por meio da landing page, um fabricante de placas de homenagem pode segmentar melhor os seus próprios contatos. 

Isso acontece porque, a depender da conversão em determinado material ou do tipo de informação que você pede no formulário, é possível fazer essa segmentação.

Podemos usar como exemplo uma loja de departamentos que atua com diferentes tipos de produtos, desde móveis até aparelhos eletrônicos. Por conta disso, ela possui diferentes perfis de persona, e podemos distingui-las durante a conversão em uma landing page.

A organização também pode saber exatamente quem são essas pessoas que interagem com ela, principalmente se a companhia não presta atendimento a um único tipo de segmento ou porte.

2. Torna o Lead Scoring mais fácil

O Lead Scoring nada mais é do que uma estratégia utilizada para priorizar os potenciais clientes considerados mais propensos à compra dentro da estratégia.

Um fabricante de cancelas automáticas pode fazer essa priorização por meio de pontos atribuídos a cada um dos contatos, tendo como base as ações realizadas por eles.

Se o visitante é convertido por meio de um material localizado no fundo do funil, é bem provável que ele já esteja maduro o suficiente para comprar. Por conta disso, deve ser trabalhado com prioridade pelo time de vendas.

O trabalho dos vendedores se torna muito mais simplificado, além de otimizar a sua conversão e aproveitar melhor todas as oportunidades.

Isso ajuda a construir um histórico favorável para cada um de seus contatos, levando todas as informações necessárias para os setores de vendas e marketing.

A única ação que um fabricante de peças industriais deve tomar é a criação de uma boa landing page, que ajude a pontuar os contatos do jeito certo no funil de vendas.

3. Reduz o CAC (Custo de Aquisição de Clientes)

A landing page é um excelente recurso, de baixo custo e que ainda ajuda a gerar ótimas oportunidades para o seu negócio.

Existem outras práticas que trazem informações pertinentes sobre as pessoas que possam se interessar pelos seus produtos e serviços. Entretanto, elas são mais onerosas, visto que podem exigir horas de ligações, várias pesquisas e outros métodos trabalhosos e caros.

Por outro lado, se você souber trabalhar a divulgação da sua landing page, é capaz de gerar mais oportunidades e munir seus vendedores com informações ricas e precisas.

Só que para ter acesso a todas essas vantagens, uma empresa de serviço de transporte de resíduos deve saber como criar uma boa página de conversões.

Criando a landing page ideal

A compreensão do quanto a página de conversões ajuda a melhorar os resultados, seja na hora de gerar novos leads ou até mesmo aumentar o conhecimento do negócio acerca de seu público, ficou clara até aqui.

Mas, se você quiser obter resultados satisfatórios, precisa saber como criar uma boa landing page, e para isso, as principais estratégias estão:

Usar cores contrastantes

As cores da sua página de conversão precisam ser embasadas em alguns aspectos. O primeiro deles é usar uma paleta de cores que corresponda à identidade visual do seu negócio, mas sempre tendo em mente que o objetivo dela é converter.

Isso é essencial, considerando que durante esse trabalho pode ser que você perceba que determinada paleta não está funcionando.

Logo, para resolver esse problema, é possível escolher uma cor para o botão do CTA que contraste bem com os outros tons utilizados.

Por exemplo, se uma landing page de um fabricante de envelopes personalizados tiver tons de azul e branco, o botão de chamada pode ser vermelho. Isso cria um contraste perfeito entre tons quentes e frios.

Ter um formulário adequado à oferta e ao funil de vendas

Não existe uma fórmula única em relação ao tamanho do formulário, pois não podemos determinar todas as informações que a página deve pedir, uma vez que as variáveis são bem extensas.

É preciso levar em consideração em qual parte do funil está o material. Por exemplo, se você criou um conteúdo mais adequado para o topo, não é correto pedir o telefone ou o cargo da pessoa, pois a companhia ainda não desenvolveu um relacionamento com ela.

Também é fundamental avaliar a relação existente entre a oferta e o formulário. Se uma empresa de locação de lavadoras está oferecendo um material muito rico, então ela pode solicitar informações mais aprofundadas.

Mesmo assim, não é recomendado exagerar na quantidade de campos, pois o ideal é que o lead entenda que você precisa de um pouco mais de informações para a troca.

Outro fator muito importante é a confiança, nesse sentido, se este for o primeiro contato, lembre-se de que o visitante pode não estar muito interessado em preencher uma grande quantidade de informações. O ideal é fazer alguns testes para essas questões.

Criar um CTA claro

Você já sabe que as cores desse botão são muito importantes, mas elas não são o único fator de peso desse elemento. Uma empresa de serviço de manutenção predial deve deixar claro no texto do CTA qual é a ação a ser executada.

Quanto mais simples e direta ela for, mais clara será para o usuário, o que facilita receber as informações necessárias. 

Ademais, não se esqueça de que é extremamente importante entregar exatamente o que você está prometendo no botão.

Decepcionar o lead nesse momento pode prejudicar consideravelmente o início dessa relação que poderia gerar bons frutos para o negócio.

Conclusão

A landing page é um recurso para atrair pessoas e gerar clientes em potencial para o seu negócio. Ela precisa ser bem elaborada, bem estruturada e contar com todos os elementos necessários para trazer os resultados que você espera.

A partir disso, seu negócio pode se relacionar com uma quantidade maior de pessoas que realmente vão se interessar pelos produtos e serviços que você vende, e ajudá-las a atravessar todas as etapas do funil de vendas.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

relacionamento com cliente

A arte de relacionamento com o cliente: Como desenvolver este elo?

humanizar marcas

Como humanizar marcas?